18/05/2006

Tourada não é arte nem cultura, tourada é tortura!

Cultura é tudo aquilo que contribui para tornar a humanidade mais sensível, mais inteligente e civilizada. A violência, o sangue, a crueldade, tudo o que humilha e desrespeita a vida jamais poderá ser considerado "arte" ou "cultura". A violência é a negação da inteligência.Uma sociedade justa não pode admitir actos eticamente reprováveis (mesmo que se sustentem na tradição), cujas vítimas directas são milhares de animais.

O sofrimento dos animais começa quando os touros – principais vítimas desta actividade (além dos cavalos e das vacas, assim como dos novilhos, quando são usados ainda enquanto bebés e jovens) –, depois de terem já perdido cerca de 10% do seu peso na viagem da ganadaria (onde são criados e onde estão habituados a uma vida tranquila) para a praça de touros, devido ao stress, são mantidos nos curros, até à hora de entrarem na arena, onde a angústia e o medo são crescentes. Junta-se a isto o sofrimento físico, que aqui começa, não só porque os animais são conduzidos com aguilhões e à paulada, mas também porque, entre outros métodos de preparação, são-lhes serrados os chifres a sangue frio para serem embolados (nas touradas portuguesas, os touros não têm sequer os seus chifres inteiros e expostos, para terem uma oportunidade mínima de se defenderem).


Não é de admirar portanto, que mesmo em plástico, alguns animais sejam mais inteligentes do que o ser humano e pela altura da reabertura do Matadouro do Campo Pequeno se tenham posto a milhas. É verdade! A Cowpyright fez as malinhas e desapareceu das ruas de Lisboa onde participava na famigerada Parade. O que é certo, é que nem algumas destas vaquinhas( e estas sim são arte e cultura) escaparam ao vandalismo bacoco de meia dúzia de "iluminados". Por certo que umas vacas coloridas no meio do passeio lhes faria uma certa confusão e vai daí...Pimba! Que é algo em que "nós" somos peritos! Vá saiam à rua e deliciem-se com a arte pintada nestes modelitos, mas não deixem que ponham os verdadeiros Knocowt!

19 comentários:

Anónimo disse...

Adorei, Santa Ignorância!! "Brutal"

Anónimo disse...

*****
:)

Palmilha Esquerda disse...

Parabéns
E eu a pensar que tu te deliciavas com um bom bife, que eras doido por couratos e que perdias a cabeça com um cozido á portuguesa. Um dia destes ficas um apaixonado dos que só come cenourinhas, vagens e lá aquela coisa do bife do Satanás. O que fazem as boas companhias.

Santa Ignorância disse...

És um cromo Barbas!

Anónimo disse...

munto agardecido, seu barbas!e o míudo por acaso anda-me a dar umas trincas...

Anónimo disse...

"onde a angústia e o medo são crescentes"
és ca um artista!
informa-te antes de dizeres tanta parvoiçe!
é aceitavel que não gostes de corridas de toiros, mas não fales do que não sabes

Anónimo disse...

a liberdade de expressão é um direito que assiste a todos, incluindo o anónimo do comment anterior!!
sr. anónimo: nao estaria o sr. interessado em ensinar algo aos ignorantes deste blog e presentear-nos com o seu ponto de vista??

Flanco disse...

Ao primeiro "anónimo": "parvoíçe" é com "c". E já agora...se tens tanta coisa pra nos mostrar pelo menos começa por te identificar!Bjinhos

Fabulosa Marquise disse...

Ao famoso anónimo: o que é que há para saber? Está à vista de quem (se atreve) a ver... ou aquilo é tudo efeitos especiais e sangue a fingir? Nunca tinha pensado nisso...Os touros afinal são como o Poupas da Rua Sésamo... um fato cheio de espuma... E andamos todos aqui todos a ser enganados... Que parvos... E não me venham falar de tradição que me passo já...

antoniofs disse...

Meu Caro Anónimo:

Não tenho nada contra o facto de uma pessoa ocultar a sua identidade. Confesso, acho até alguma piada a que nem tudo seja transparente e óbvio nestes espaços da net.
Contudo, aceito perfeitamente que outros existam com opinião oposta. É compreensível.
O que eu não posso compreender é que uses para fins cobardes a possibilidade que os criadores deste blog deram ao público comum de escrever o que bem entender e sob qualquer identificação.

Claro que eu não tenho nada a ver com isto, responder-me-ás tu. Óbvio. É só a minha opinião.
Mas há coisas assim... Que me impedem de ficar calado.

Para a próxima, se tiveres algo a dizer, assume-o e dá a cara.

Pop-up disse...

só falto eu.

oh anónimo.... se queres investir... investe!
expõe nesta arena a tua verdade.

Anónimo disse...

ó anônimo numero um, não me queres dar inhantes umas espetadelas a mim, que çou um ção que ando aqui?

Anónimo disse...

va... então... só isto? não se acanhem... podem fazer um concurso entre voces para ver quem consegue ser mais ironico... mais erudito... enfim o mais engraçado... força artistas!
gosto tanto de voces!
fico então a espera...
informo que o post mais giro foi o da Sara!
Parabéns vais a frente! comparar um Toiro ao Poupas foi de mestre!
é que achei mesmo piada carago! lol

Roni disse...

Bom... começo a ficar confusa com tanto anonimato...
Nota de esclarecimento: "a liberdade de expressão é um direito que assiste a todos(...)", é da minha inteira responsabilidade!

antoniofs disse...

Bem, pensei que eras a autora do famigerado comment!
Como se não o aceitasse, voltei a ler tudo o que estava para cima e descobri que tu eras a "anónima 2".
Assim está bem!
:P

Anónimo disse...

Não vejo o "purquê" de se engalisparem contra os apoiantes da naifada... não seremos todos mais tarde ou mais cedo espetados por um qualquer objecto afiado?? Beijos no ouvido do Rorozinho!!

Pop-up disse...

sabem que mais...
fim de semana!

Roni disse...

Paperback, fiz questão de citar uma frase do meu comment como forma de prevenir possiveis más contagens!! :)

Anónimo disse...

Há vacas e vacas há ir e voltar